Como escolher ração e suplementos alimentares para bovinos e equinos

Todo produtor rural que tem um rebanho se preocupa com nutrição animal, ainda que não pense sobre o assunto propriamente nestes termos. O certo é que os esforços para engordar o gado em menor tempo e com gastos controláveis de mão de obra fazem parte do dia a dia dos empresários do campo.

E não se trata apenas de conseguir baratear o custo da arroba produzida, mas também de escalar a produtividade e ter menos preocupações durante o processo.

A alimentação dos rebanhos de bovinos e equinos, como sabemos, é responsável por cerca de 70% dos gastos anuais dos produtores de gado de corte.

E para um bom desenvolvimento do porte e da saúde do gado, a ração fornecida deve sempre suprir as necessidades nutricionais. Estas necessidades têm inúmeras variáveis que precisam ser consideradas: do sexo do animal à sua estrutura corporal, passando pelo peso vivo e pela taxa de ganho de peso esperada por cabeça.

É fundamental que um rebanho seja guarnecido de alimentos ricos em proteínas, carboidratos, fibras, vitaminas, minerais, além de outros componentes que contribuem para o aumento do peso do gado.

Outro ponto importante que não pode sair da vista do produtor rural é que a dieta bovina é formada basicamente por alimentos concentrados, volumosos e suplementos, além de aditivos (as substâncias não nutritivas, que quando integradas à ração têm funções estimulantes, terapêuticas e nutritivas).

Para garantir o maior aproveitamento dos nutrientes dos alimentos pelos animais a ração tem que proporcionar o fornecimento sincronizado de fibra, proteína, energia e minerais. Isso significa que um importante fator a ser considerado na hora de pensar uma estratégia de nutrição animal.

A escolha da ração: o que o produtor rural deve considerar para não errar

É importante considerar os objetivos e também o tipo de animal com o qual se trabalha na hora de pesquisar a ração ideal. Porém, de uma forma geral, alguns cuidados na escolha dos produtos é universal.

Pensando nisso, apresentamos, a seguir, alguns cuidados que todo produtor rural deve ter ao adquirir rações para bovinos e equinos. Veja:

1. Conheça as especificações dos produtos e as necessidades dos seus animais

Para comprar corretamente e ter um bom aproveitamento dos nutrientes, você deve conhecer as classificações e os componentes dos produtos.

Em paralelo a isso, é também importante saber como são as categorias de alimentos que compõem a dieta dos animais. Ou seja, verificar junto ao veterinário, por exemplo, quais são as necessidades do gado ou dos equinos.

Com isso bem definido, fica mais fácil saber quais produtos adquirir, de que forma misturá-los e também as quantidades ideais a serem ministradas.

2. Escolha um bom fornecedor

Há hoje no mercado um número grande fabricantes de rações e suplementos alimentares para bovinos e equinos. No entanto, é sempre bom lembrar, o barato pode sair caro.

É muito importante investir em rações, suplementos e demais insumos de qualidade para alimentação dos animais. Literalmente, separar o joio do trigo.

Antes de adquirir insumos, investigue, por exemplo, se os produtos contém os selos de qualidade dos órgãos governamentais que regulam a fabricação. Converse com outros produtores sobre os resultados que eles obtiveram e verifique recomendações de veterinários e outros especialistas em nutrição animal.

Bônus Vídeo:

Conheça o mais novo lançamento da Nutratta para o crescimento de bezerros e bezerras. É a TMR Cresci+, uma dieta completa que contém fibras, energia, proteínas, minerais, vitaminas e adjetivo.

Veja no vídeo uma explicação feita pelo Responsável Técnico da Nutratta, Rodrigo Ancelmo:

Leave a comment